Editora Games: Problemas técnicos causaram atraso de "Beyond Good & Evil 2", diz diretor

Problemas técnicos causaram atraso de "Beyond Good & Evil 2", diz diretor

www.editoragames.com.br/2016/10/problemas-tecnicos-causaram-atraso-de.html












Foto da versão de "Beyond Good & Evil 2" de 2008 divulgada pelo diretor Michel Ancel em seu Instagram

Após anos de silêncio, parece que "Beyond Good & Evil 2" finalmente verá a luz do dia, a julgar pelos anúncios e fotos divulgados nas últimas semanas pelo diretor do game original e da série "Rayman", Michel Ancel.

Em uma de suas últimas publicações na rede Instagram, Ancel mostrou versões de 2008 dos personagens Pey'j, Double H e Jade, e explicou porque aquela fase do projeto acabou não dando certo,e o game ficou tanto tempo no limbo.


"O jogo era jogável com vários protótipos", escreveu. "Todos os vídeos eram em tempo real, mas havia muitos problemas técnicos."

"Queríamos exploração planetária, viagens no espaço, cidades...Tudo isso também deveria estar em 'Beyond Good & Evil 1'", continuou Ancel. "Ao invés de não fazer o jogo dos nossos sonhos, decidimos voltar ao 2D, brincar com 'Rayman' e depois voltar a 'Beyond Good & Evil 2'."

Ancel diz que "ainda há muuuito trabalho" a se fazer, mas que pelo menos a tecnologia está estabelecida e "a equipe é fantástica".

Anunciado pela primeira vez em 2008, "Beyond Good & Evil 2" é a sequência do jogo de ação lançado originalmente para PC, GameCube, Xbox e PS2 em 2003. Apesar de não ter tido sucesso com público quando chegou às lojas, o primeiro game ganhou uma base significativa de fãs, que tem esperado por um novo capítulo da série desde então.

Os anos se passaram, e muitos julgaram que o jogo havia sido cancelado, sendo que o próprio Michel Ancel deixou de ser um funcionário integral da Ubisoft para formar seu próprio estúdio, onde está desenvolvendo o game "Wild", para PlayStation 4.

Por enquanto, não há maiores informações sobre a previsão de lançamento ou plataformas para "Beyond Good & Evil 2"

Fonte: UOL Jogos

Nenhum comentário:

Postar um comentário